Postagem em destaque

SEJA UM PADRINHO DO TUDO EM CIMA!

Ajude este humilde blogueiro a continuar seu trabalho! Sempre militei e falei sobre cinema e outros assuntos sem ganhar absolutamente nada ...

domingo, 20 de outubro de 2013

Importante depoimento sobre a invasão do Instituto Royal

13 comentários:

Anônimo disse...

Vídeo excelente; argumentação ótima; faz refletir.
um abraço
Zé Guilherme

Anônimo disse...

http://www.pea.org.br/crueldade/testes/tfotos.htm no site da Pea as fotos da crueldade que fazem testando esses produtos pra colocarem a mão na consciência antes de qq ato. E só pra acabar, gostaria de dizer que testes de creme dental não é escovar os dentes dos bichos. O nome de um dos testes de creme dental é Teste LD 50: Criado em 1920 para medir a toxidade de alguns produtos. Este teste tem duração de alguns dias e utiliza em média 200 animais. O animal é obrigado a ingerir a substância pela sonda gástrica, o que muitas vezes leva a morte por perfuração. Os efeitos observados são dores angustiantes, convulsões, diarréia, dispnéia, emagrecimento, postura anormal, epistaxe, supuração, sangramento nos olhos e boca, lesões pulmonares, renais e hepáticas, coma e morte. As substâncias podem ser injetadas por via subcutânea, intravenosa, intraperitoneal, misturada à comida, por inalação, via retal ou vaginal. O teste tem continuidade até que 50% das cobaias morram e os animais que sobrevivem também são mortos. É isso aí. Procurem no site do Pea – http://www.pea.org.br/crueldade/testes/index.htmse quiserem saber mais

gabriel birkhann disse...

É importante notar que Mp recomendou a não invasão,e eles invadiram.Agora:é necessário tal pesquisa.Todas as grandes nações do mundo fazem isso

André Lux disse...

Seu texto é pertinente, porém em momento algum ele invalida o que foi dito no video da postagem.

Ricardo disse...

Só pra começar, no vídeo o sujeito diz que beagles são cães de caça, e portanto requerem ambiente amplo para sua boa saúde. Então já fica claro que, passando a vida toda em pequenas jaulas, esses cães não vivem uma vida digna. Sugiro que poste também a reportagem feita pela Record (disponível no site r7), que mostra como os cães foram encontrados. Veja também: http://noticias.r7.com/sao-paulo/para-comissao-da-oab-nao-ha-duvidas-que-caes-retirados-de-instituto-sofreram-maus-tratos-21102013 Outra coisa: a legislação que permite esses testes é de 1978, bem anterior a diversos avanços tecnológicos como a informática, bioengenharia, nanotecnologia. A cada dia é mais INDEFENSÁVEL a continuidade desses testes. Isso só alimenta lucros de criadores.

André Lux disse...

Ricardo, tanto o seu texto quanto a reportagem não invalidam as palavras do Pirulla.

Inclusive está escrito: "Em entrevista ao R7, ele também lamentou a ausência de um promotor de Justiça na noite em que o canil foi invadido por ativistas."

sonia amorim disse...

Há muita besteira no vídeo, como o próprio Pirulla avisou logo no início. Recomendo a todos os artigos do filósofo Paulo Ghiraldelli Jr. que o portal IG vem publicando. O de hoje, que reproduzi no meu blog, trata das verdades e mentiras sobre testes em animais. Falsa ciência. O que importa, mesmo, é LUCRO, money, a velha e "boa" bufunfa... Interesses mesquinhos de empresas e empresários. Indução de consumo. Não é este o Novo Mundo que queremos. Capitalismo Selvagem tem que ser combatido em todos os planos. Toda Vida é Sagrada.

Marcos Pando disse...

Exatamente, Sônia. Devemos radicalizar no bom sentido. Ir à raiz do problema. É uma questão comercial. E não dá para confiar apenas na justiça ou na política partidária como o Pirulla sugeriu. Há muitas dúvidas sobre o fato em si. Concordo. Mas tenho certeza que o que está na raiz do problema é o lucro.

Ricardo disse...

'Na manhã de hoje, uma excelente matéria sobre o caso do Instituto Royal foi exibida pelo programa "Hoje em Dia", da Record. A reportagem do programa localizou um dos cães que foram resgatados do instituto que precisará ser submetido a uma cirurgia. Os dentes caninos do animal foram *colados*, para que ele não pudesse abrir o maxilar, e só se alimentasse através de algum cano ou coisa parecida.'
Não adianta o pirula vir com lágrimas de crocodilo e dizer que os pesquisadores se importam com o bem-estar dos animais 'porque se ficarem estressados atrapalha a pesquisa'. Como já colocaram acima, o que rola é dinheiro. Pesquisadores recebem gordas verbas para fazer pesquisas inúteis, que assim garantem o comércio de animais para testes. O próprio pirula trabalha com pesquisa? - defende seu próprio bolso, e defende quem paga esse tipo de pesquisa. E afinal, que testes fazia esse instituto? Cosméticos? Oras, isso é essencial para a humanidade? Vale a vida de tantas cobaias, só pra fazer um novo tom de sombra ou qualquer bobagem assim? E sobre o capitalismo da indústria farmacêutica? Só pesquisam tratamentos longos e que obrigam o paciente a comprar remédios forever. Sem falar que testes em animais são demasiado falhos; observe-se quantos medicamentos 'aprovados' em tais testes acabam matando pessoas e precisam ser recolhidos. A talidomida não é uma única e rara exceção.

Jaiana de oliveira disse...

Diferentemente do que muitos pensam, os animais não estão aqui para nos servir. É nosso dever respeitá-los e protegê-los como seres vivos.

Jaiana de oliveira disse...

Diferentemente do que muitos pensam, os animais não estão aqui para nos servir. É nosso dever respeitá-los e protegê-los como seres vivos.

Jaiana de oliveira disse...

Diferentemente do que muitos pensam, os animais não estão aqui para nos servir. É nosso dever respeitá-los e protegê-los como seres vivos.

Mr ZORRO disse...

POR FAVOR LEIAM ISSO!
http://www1.folha.uol.com.br/fsp/opiniao/138315-a-ciencia-em-perigo.shtml

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...