Postagem em destaque

SEJA UM PADRINHO DO TUDO EM CIMA!

Ajude este humilde blogueiro a continuar seu trabalho! Sempre militei e falei sobre cinema e outros assuntos sem ganhar absolutamente nada ...

sexta-feira, 27 de maio de 2011

Distribuidora ameaça donos de bancas por distribuirem a Folha do Japi.

- por Cesar Tayar, no blog do Beduíno

Carta assinada por Paulo Lazarini faz
ameaças veladas aos donos de bancas
Por volta do ano de 1973 o Brasil vivia uma época chamada por muitos de "anos de chumbo". Naqueles tempos o país era dominado por uma ditadura sangrenta sob a orientação do general Emílio Garrastazu Médici.

Eram os tempos bárbaros das torturas nos porões do Doi-Codi e da Operação Bandeirante. Através de atos absurdos e totalitários, o então Ministro da Justiça, Prof. Dr. Alfredo Buzaid, liquidou com os últimos resquícios de liberdade no país. O resto da história todos já sabem como terminou. Muito bem.

Hoje, em Jundiaí, estão querendo reviver os tempos do arbítrio, não mais através da ponta da baioneta mas sim pelo domínio dos interesses que rodeiam o poder político e econômico local. O governo do PSDB, instalado há 20 anos no executivo municipal, não admite a petulância daqueles que querem exercer a crítica livre, preceito básico de qualquer democracia que se preze. Há algumas semanas foi lançado na cidade um novo jornal chamado Folha do Japi.

Este semanário tem exercido a sua função de informar mostrando à toda a cidade os desmandos da prefeitura através de matérias muito bem colocadas sobre os problemas de nosso cotidiano. Pronto. Foi só aparecer um jornal isento que a guarda pretoriana do PSDB entrou em ação.

Dias atrás todas as bancas de jornal da cidade receberam uma circular altamente ameaçadora, colocando os jornaleiros na parede através de ameaças veladas pelo fato de que as bancas estão distribuindo jornais cujo intuito é "caluniar e ofender aos outros" além de "confundir a opinião do leitor".

Esta circular é uma peça da mais pura e indigna política remanescente dos tempos da ditadura onde até jornalistas foram assassinados, cujo exemplo maior foi o de Vladimir Herzog. Leiam abaixo a lamentável circular, na íntegra, e sintam-se arrebatados ao ano de 1973 quando o país respirava os ares cinzentos oriundos dos quartéis. Mas lembrem-se: Não são os generais que estão no poder em Jundiaí e sim o PSDB.

3 comentários:

Anônimo disse...

André, quem paga os custos de edição, impressão e distribuição da Folha do Japi?

André Lux disse...

Desde quando devo satisfações a anônimos?

Christian disse...

MANO!

Sutileza de elefante surtado em loja de porcelana!

Basicamente, Amigo Jornaleiro que porventura apareça aqui, se você distribuir - DISTRIBUIR! - a Folha do Japi, a guarda pretoriotucana cassa seu alvará, ou seja, seu direito de trabalhar.

Isso por enquanto. Logo menos reaparecem as bombas anti-Pasquim...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...