Postagem em destaque

SEJA UM PADRINHO DO TUDO EM CIMA!

Ajude este humilde blogueiro a continuar seu trabalho! Sempre militei e falei sobre cinema e outros assuntos sem ganhar absolutamente nada ...

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

O amor venceu o ódio: Dilma Rousseff é eleita presidenta do Brasil!

O AMOR VENCEU O ÓDIO!

Depois de sete meses de angústia e muita luta, nessa que foi a campanha mais infame e suja já feita pela direita no Brasil, a maioria do povo brasileiro confirmou nas urnas: SIM a Dilma Rousseff, do PT, e NÃO a J. Serra, do PSDB! A diferença foi de 12 milhões de votos a favor de Dilma - uma verdadeira surra (mais uma)!

Foi uma vitória sofrida, pois J. Serra e seus capangas apelaram para tudo que há de mais vil e nauseante na tentativa de desqualificar e tirar votos de sua adversária, principalmente na internet. Por um momento, na virada do primeiro turno, quando uma ação orquestrada pelo que há de mais repulsivo e atrasado na sociedade brasileira conseguiu aterrorizar uma parcela da população por meio do uso de obscurantismos religiosos e efetivamente tirou votos da petista, favorecendo a candidatura do mega-fascista J. Serra.

Mas, felizmente, a campanha de Dilma soube dar a volta por cima - e para isso o primeiro debate na TV Bandeirantes foi fundamental - e injetou ânimo redobrado na militância que ganhou as ruas e as redes sociais para combater a estratégia medieval de J. Serra e seus lacaios e pedir votos para a candidata da esquerda progressista, trazendo a política novamente para centro do debate.

Mais uma vez, a maioria absoluta da população brasileira disse NÃO:

1) Às elites econômicas e à direita reacionárias, intolerantes, inescrupulosas, preconceituosas, privatistas, cínicas, hipócritas e falso moralistas representadas pela aliança entre PSDB e DEMo,

2) À mídia coporativa corrupta, fascista e golpista (o famigerado Partido da imprensa Golpista ou PiG) e seus barões sem escrúpulos, cujos expoentes máximos são a rede Globo, a revista Veja e os jornais Folha de S.Paulo e O Estado de São Paulo,

3) Aos "vomitadores de opinião" de aluguel que, durante oito anos, chamaram o presidente Lula de assassino a estuprador e deram nó em pingo de água para tentar denegrir o seu governo e as suas conquistas, especialmente Merval "Grotesco" Pereira, Reinaldo "Esgoto" Azevedo, Eliane "Meu Marido é Marqueteiro do Serra" Cantanhede, Ricardo "Walter Mercado" Noblat, William "A Serra do Japi é Minha" Waack, Diogo "Procura-se" Mainardi e outros cujos nomes nem vale a pena citar para não poluir muito o blog,

4) Aos ex-pseudo-esquerdista que traíram seus ideais (se é que um dia tiveram um) e se prostituiram à direita em troca de afagos do PiG, cargos públicos para eles e seus familiares e noites de luxúria entre lençóis de setim. Nem preciso citar nomes aqui, vocês sabem muito bem quem são eles. A pergunta agora é: o que será deles com a derrocada final de J. Serra e a debandada geral que seus "apoiadores" para as bases de sustentação do novo governo? Tentarão eles voltar a ser "de esquerda" com o rabinho entre as pernas ou vão sumir de vez das nossas vidas?

Antes de terminar esse desabafo, gostaria de comentar as declarações finais do perdedor J. Serra. Confesso que essa foi a primeira vez que me permiti ouvir o que esse sociopata nauseabundo tinha a dizer, até porque imaginei que teria o mínimo de elegância em sua despedida final do cenário político relevante.

Mas, que nada! Durante uns 3 minutos até ensaiou alguma dignidade, inclusive parabenizando a vitoriosa Dilma Roussef, mas logo em seguida colocou-se a fazer ameaças veladas, propagar mentiras, posar de vítima, valorizar correligionários que pisou em cima seguidas vezes e ter delírios de grandeza que davam a impressão de era ele o vencedor da disputa e não quem tinha acabado de levar uma surra nas urnas (principalmente em Minas Gerais, reduto tucano de Aécio Neves que certamente trabalhou contra Serra). E, pior de tudo, usou novamente sua família no discurso final depois de tê-la exposto de maneira totalmente cruel e inescrupulosa durante a campanha. Enfim, J. Serra conseguiu a proeza de sair ainda menor do que entrou na campanha.

Mas chega de falar de coisa ruim. A hora agora é de festa e de comemoração.

E também de alívio, pois quem é minimante informado sabe o risco que uma vitória de Serra traria à democracia e à verdadeira liberdade de expressão no Brasil.

A militância de esquerda mostrou novamente a sua força nas ruas e a blogosfera progressista e independente limpíssima (que só é suja na cabeça doente de certas pessoas) teve peso decisivo nessa vitória fazendo guerrilha virtual contra as mentiras e manipulações do PiG!

Agora vamos descansar, porque ninguém é de ferro...

11 comentários:

Anônimo disse...

Você não se enxerga mesmo, não é? Você fala em "derrota do ódio", mas o seu texto transborda ódio. Você diz o oposto da realidade.

André Lux disse...

Vai canalha, escreve seu lixo aqui para que possamos rir da sua cara e do seu candidato que acabou de levar uma surra nas urnas!

Carla disse...

Essa foi a eleição em que as redes sociais mostrou o seu poder, mostrando para liderenças partidárias a importância da blogosfera como canal de diálogo com a população e isso num país em que o acesso a internet banda larga passa longe do domínio da TV.
Vitória merecida, lembro que ontem nas primeiras parciais da Band com pouca diferença entre os candidatos quando o professor Demetrio Magnoli comentava de um possível erro das pesquisas fiquei muito apreensiva, mas como a regiões Norte e Nordeste ainda estavam atrasadas na apuração as novas parciais sempre ampliavam a vantagem o que dava credibilidade aos Institutos de Pesquisa e mostrava que eles são confiáveis e sérios.
Agora é trabalhar para Dilma e Michel fazer uma transição coerente e terem muita força e sabedoria para cumprir a nada fácil tarefa de substituir um dos homens mais carismáticos de nossa história

Fernando Romano disse...

Anônimo, cara de pau espalhador de ódio, fica com uma frase minha:

CHUPA, FASCISTADA!!! AGORA É DILMA!!

Ricardo Melo disse...

É sensacional ver que a campanha sórdida e odienta de J. Serra a partir de agora ficou para o passado, ficou para a História. No futuro, os analistas vão ter um farto material de pesquisa mostrando o fundo do poço em que o candidato do PSDB jogou o próprio partido.
Que isso sirva de lição, uma lição que deverá ser levada em conta no Governo Dilma.
Felizmente a Dilma vai ter um Congresso de composição favorável ao novo governo. Isso vai ser fundamental para que o país avance e fundamente o desenvolvimento. O marco regulatório do Pré Sal deverá simbolizar o próximo período, em que o nosso país vai passar por um processo de desenvolvimento inédito.
Se as oposições mostrarem alguma inteligência e visão na próxima etapa, não deverão desempenhar um papel de entrave aos objetivos nacionais. Nesse caso, lideranças como J. Serra serão relegadas ao limbo da História.

Anônimo disse...

andrezinho, andrezinho... não canta vitória não, a guerra não acabou está apenas começando... ganhamos em 8 estados e temos quase a metade dos brsileiros nos apoiando... cade a extinção da oposição, hein babaca? cade apenas 3% dos brasileiros se opõe a essa corja hein, fala para mim... somos quase metade, e que sua corja e sua laia fique esperta... muito esperta... tamos aí, de pé e operante... não vai ser fácil e não vamos dar mole para vocês corja vagabunda... chuuupaaa essa neném

André Lux disse...

Vamos ser eternamente gratos ao Adolf Serra por ter reduzido o PSDB a um mero partido provinciano, sem qualquer peso político, que serve agora apenas para agrupas o que existe de mais podre e atrasado em nossa sociedade.

Chupa que a uva é doce, tucano covardinho!

Helinho de Barros disse...

Mais uma vez a verdade ganhou da mentira, os entreguistas perderam mais uma vez, os corruptos e oportunistas foram impedidos de voltar pelo voto. Temos mais quatro anos para continuar a reconstrução do país e a redução das discrepâncias entre ricos e pobres, sendo essa, uma das coisas que fazem deste país maravilhoso um dos mais desiguais do mundo, um país rico como este, a 8ª economia do mundo não pode conviver com esse defeito.

Cybershark disse...

Estou comemorando a vitória também e muito satisfeito com mais quatro anos de progresso, contra a desigualdade social e contra a privataria que reinava na Era FHC.

Em tempo: o primeiro debate do segundo turno, diferente do que diz seu texto, não foi na Band?

Anônimo disse...

É esse tipo de oposição que DEM-PSDB sabe fazer engessar o país e torcer pro quanto pior melhor, tão lindo que nem tem corragem para pronunciar um pensamento ficando debaixo do conforto do anonimato.
Mas também o que esperar de uma pessoa que se expressa de forma tão vulgar e violenta?!

Anônimo disse...

Nossa, que saco esses fdp enchendo o blog....ainda bem q vc responde como deve ser (só publica se vas responder, porque só aparecendo as imbecilidades deles fica enfadonho demais)bom, agora ate o fhc quer pular do barco centrodireitista....tomara o vampiro de uma de digno e vai pra briga com o mineirodacapadaveja, ai vai ser muito bom!!!! e a nossa dilma, hein? dando um SHOW mesmo nestas entrevistas da semana, mais tranquila e mil vezes melhor que nesses debates com o vampiro aquele....
Valeu André!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...