Postagem em destaque

SEJA UM PADRINHO DO TUDO EM CIMA!

Ajude este humilde blogueiro a continuar seu trabalho! Sempre militei e falei sobre cinema e outros assuntos sem ganhar absolutamente nada ...

terça-feira, 19 de outubro de 2010

Vox Populi: Dilma cresce e abre 12 pontos sobre Serra

A vantagem de Dilma Rousseff sobre José Serra no segundo turno da corrida presidencial cresceu quatro pontos percentuais em apenas seis dias – o que deixa a candidata da coligação Para o Brasil Seguir Mudando mais próxima da vitória na eleição de 31 de outubro. É o que aponta pesquisa Vox Populi/iG divulgada na manhã desta terça-feira (19).

- Por André Cintra,no Vermelho



Segundo o instituto, Dilma tem 51% das intenções de votos para a sucessão do presidente Luiz Inácio Lula da Silva – seu principal apoiador. Já Serra, à frente de uma das campanhas mais sujas no Brasil desde as últimas décadas, caiu para 39%. Em relação ao Vox Populi de 13 de outubro, a petista cresceu três pontos percentuais, enquanto o tucano caiu um – ela tinha 48%, contra 40% de Serra.

Pretendem anular ou votar em branco 6% dos entrevistados – mesmo patamar da última pesquisa. O índice de eleitores indecisos, no entanto, caiu de 6% para 4%. A margem de erro estimada pelo instituto é baixíssima – apenas 1,8 ponto percentual para mais ou para menos.

Nos chamados votos válidos (que excluem brancos, nulos e indecisos), a dianteira de Dilma fica mais evidente. A presidenciável – que tinha oito pontos à frente Serra (54% a 46%) na semana passada – agora lidera mais folgadamente: 57% a 43%.

Segundo o Vox Populi, é no Nordeste e no Sudeste que o desempenho de Dilma justifica a diferença cada vez mais sólida sobre Serra. Entre os nordestinos, a candidata da coligação Para o Brasil Seguir Mudando é a preferida de impressionantes 65%, ao passo que Serra amarga 25%.

Esse trunfo exigiria que a candidatura demo-tucana compensasse a votação nos maiores colégios eleitorais do Brasil, concentrados no Sudeste. Nessa região, porém, Dilma também ampliou a vantagem e lidera a disputa – por 47% contra 40%. O consolo de Serra está no Sul, onde ele segue à frente de Dilma, com 50% – ela aparece com 41%.

Aborto e renda

A pesquisa Vox Populi mostra que boa parte do eleitorado reagiu negativamente à baixaria da campanha Serra. Com a imposição de temas como o aborto na pauta eleitoral, quem mais se beneficiou foi Dilma – que reduziu sua desvantagem no eleitorado evangélico (42% a 44%) e consolidou sua vantagem entre os católicos praticantes (54% a 37%) e não praticantes (55% a 37%). O eleitorado declaradamente ateu também prefere a petista – 49% a 36%.

Candidato das elites, Serra só lidera o pleito – e, ainda assim, na margem de erro (44% a 42%) – na faixa do eleitorado que ganha mais de cinco salários mínimos e nos entrevistados com nível superior (47% a 40%). Dilma, em contrapartida, massacra o tucano por 61% a 31% entre os eleitores que recebem não mais que um mínimo. Vence também (55% a 38%) no segmento do eleitorado com até a 4ª série do ensino fundamental.

Dilma tem voto mais convicto

O levantamento do Vox Populi ouviu 3 mil eleitores de 15 a 17 de outubro e foi registrado no Tribunal Superior Eleitoral com o número 36.193/10. Devido ao período de sondagem, a pesquisa não capta os efeitos do debate monótono entre Dilma e Serra promovido no domingo pela Rede TV! e da excelente entrevista de Dilma na segunda-feira ao Jornal Nacional.

De qualquer maneira, há um dado na pesquisa que aponta a cristalização da preferência do eleitorado. É que, segundo o Vox Populi, 89% dos que eleitores que declararam voto em algum candidato já se definiram de maneira irreversível. Apenas 9% admitem mudar de preferência. A boa notícia é que os eleitores de Dilma são os mais convictos – 93% dos dilmistas declaram que seu voto está consolidado. Já no eleitorado de Serra, esse índice é de 89%.

9 comentários:

blog do teacher Ramos disse...

Tenho comentado nos blogs por onde tenho "passado" hoje: Não nos deixemos impressionar com estas pesquisas. Temos que continuar nas ruas convencendo as pessoas, panfletando, discutindo. Depois do primeiro turno não acredito mais em pesquisas.

blog do teacher Ramos disse...

Tenho comentado nos blogs por onde tenho "passado" hoje: Não nos deixemos impressionar com estas pesquisas. Temos que continuar nas ruas convencendo as pessoas, panfletando, discutindo. Depois do primeiro turno não acredito mais em pesquisas.

blog do teacher Ramos disse...

Tenho comentado nos blogs por onde tenho "passado" hoje: Não nos deixemos impressionar com estas pesquisas. Temos que continuar nas ruas convencendo as pessoas, panfletando, discutindo. Depois do primeiro turno não acredito mais em pesquisas.

Cybershark disse...

Não dá pra baixar a guarda, vide o que ocorreu no primeiro turno. De qualquer forma, vai ser divertido ver os alienados da classe média que votam no Chirico em pânico quando verem a pesquisa!

Ricardo disse...

Pelo que indica essa pesquisa, SE não tivermos fraudes nas urnas eletrônicas, Dilma será eleita.
http://www.conversaafiada.com.br/politica/2010/10/19/sos-maranhao-nao-confie-em-urna-eletronica/

alex disse...

CNBB ESTÁ PREOCUPADA… MUITO!

Vejam lá Blog do Rovai, agora à noite, com fotos e tudo.

Igreja no centro de SP distribui panfletos anti-Dilma

19 de outubro de 2010 às 18:10

Abaixo, fotos que mostram panfletos anti-Dilma, com o timbre da CNBB, como as marcas feitas no próprio impresso fazem questão de evidenciar.

Ainda que a entidade diga que nem a Igreja nem o órgão tem posição política no segundo turno, a circulação de panfletos continua dentro dos templos católicos, como o de Santo Antônio, na Praça do Patriarca.

Alguma satisfação?

alex disse...

ENQUANTO ISSO, MILHÕES DE TELEFONEMAS ESTÃO SENDO DADOS!!!

(Blog do Rodrigo Vianna)

Vários leitores (alguns pedem sigilo) informam ter recebido a ligação de um outro número, de São Paulo: (11) 3511-1700.

Liguei para lá. Uma mensagem informa que o o telefone “está programado pelo assinante para não receber ligações”.

Com ajuda do tuiteiro “páginadois”, descobrimos o nome da empresa que está autorizada pela Anatel a prestar esse tipo de serviço.

A empresa fica no bairro do Paraíso, em São Paulo. Levantamos todos os dados: endereço, sócios etc.

Preservamos o nome da empresa porque – aparentemente – é apenas uma prestadora de serviço.

Pode ter sido contratada para dar suporte à central de telemarketing – mas sem responsabilidade pelo conteúdo. Basta à campanha de Dilma acionar a PF e o MPE, para saber quem contratou a empresa. É algo que pode ser feito rapidamente.

O que pode ser feito também: quem receber a ligação deve tentar gravá-la. Várias secretárias eletrônicas têm esse serviço!

alex disse...

André .. dá uma força aí

Ato suprapartidário Dilma Presidente

Coletivo Estudantes da USP em defesa da educação pública chama

25 Out 18h - no Prédio da História e Geografia da USP

CONVIDADOS: Adilson Citelli • Adma Muhana • Alessandro Octaviani • ALFREDO BOSI • Ana Paula Hey • Ana Paula Pacheco • André

Singer • Andrea Loparick • ANTONIO CANDIDO • Ariovaldo Vidal • Bernardo Ricupero • Bruno Bontempi Jr. • Cecília Hanna Mate • Carmen Sylvia

Moraes • CELSO ANTÔNIO BANDEIRA DE MELLO • Celso Favaretto • Celso Frederico • Cilaine Alves Cunha • Claudia Vianna • DALMO DALLARI •

Dilma de Melo Silva • Eduardo Brandão • Eduardo Morettin • Eduardo Vieira Martins • Elie Gahnem • Emilia Viotti da Costa • Erminia Maricato • Fabio Betioli

Contel • Fernanda Peixoto • Flavio Campos • Flavio Wolf de Aguiar • Francisco Alambert • Franklin Leopoldo e Silva • GABRIEL COHN • Gabriela Pellegrino

• Gilberto Bercovici • Glauco Arbix • Glória da Anunciação Alves • Gustavo Venturi • Helder Garmes • Helena Chamlian • Helio Guimarães • Helio

Mitio Morishita • HELOÍSA FERNANDES • Homero Santiago • Iram Jácome Rodrigues • Irene Cardoso • Iris Kantor • Ivan Marques • Jaime Ginzburg •

JOÃO ADOLFO HANSEN • João Azenha • Joaquim Alves de Aguiar • Jorge Grespan • José Fernando de Azevedo • José Sérgio F. de Carvalho • Julio

César Suzuki • Kimi Tomizaki • Laerte Sznelwar • Laura Camargo M. Seuerwerker • LAURA DE MELLO E SOUZA • Léa Francesconi • Leon Kossovitch

• LISETE ARELARO • Maria Lúcia Cacciola • Leonardo Mello • Leonel Itaussu • Lincoln Secco • Luís César Oliva • Luiz Fernando Franklin de Matos • Luiz

Recaman • Luiz Renato Martins • Luiz Roncari • Marcia Gobbi • Márcio Suzuki • MARIA VICTORIA BENEVIDES • Marcos Silva • MARILENA CHAUI •

Margareth dos Santos • Maria Augusta da Costa Vieira • Maria Cecília Cortez • Maria das Graças Souza • Maria do Patrocínio Tenório • Maria Elisa Cevasco

• Maria Ligia Prado • Maria Monica Arroyo • Maria Sílvia Betti • Mario Sergio Salerno • Marisa Midori Deaecto • Marta Chagas de Carvalho • Maurício

Santana Dias • Mauro Zilbovicius • Milton Meira • Nabil Bonduki • Nelson Schapochnik • Nídia Nacib Pontushka • Olgária Matos • OTAVIANO HELENE

• Paulo Martins • Paulo Silveira • Pedro Paulo Pimenta • Pedro Puntoni • Renato Queiroz • Ricardo Fabbrini • Ricardo Mendes Antas Junior • Ricardo

Musse • Rita Chaves • Roberto Marx • ROBERTO SCHWARZ • Romualdo Luiz Portela de Oliveira • Rosangela Sarteschi • Salete de Almeida Cara • Sandoval

Nonato Gomes Santos • Sandra Vasconcelos • Sérgio Cardoso • Sílvia Trivelato • Simone Ruffinoni • Simone Scifoni • Sonia Vanzella Castelar •

Tania Tome • Uiara Montedo • Vagner Camilo • Valentim Facioli • Valéria de Marco • Vera Telles • Viviana Bosi • Vladimir Safatle • Zenir Campos Reis

graciliano disse...

Vantagem nas pesquisas não podem nos desmobilizar. Está sempre faltando um voto a ser conquistado, agora mesmo, bem ao nosso lado. Trabalhemos duro até as 17 hs do dia 31.
Vamos ganhar ganhando, apesar das baixarias da direitona-burra que, aliás, só a fazem afundar mais.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...