Postagem em destaque

SEJA UM PADRINHO DO TUDO EM CIMA!

Ajude este humilde blogueiro a continuar seu trabalho! Sempre militei e falei sobre cinema e outros assuntos sem ganhar absolutamente nada ...

quinta-feira, 7 de maio de 2009

Gilmar Mendes, odiado pela esquerda e pela direita Como é possível essa unanimidade?

Dias desses, estava na casa de um sujeito mega-fascista, daqueles que tem ódio mortal do Lula, do PT e de tudo que cheira a esquerda, quando no meio de uns de seus resmungos típicos, que eu não respondo para não cair em provocação barata, começou a falar mal da Justiça e do presidente do STF.

Fiquei curioso. Como é possível o senhor Gilmar Mendes, o Darth Vader do STF, ser odiado tanto pela esquerda quanto pela direita?

A esquerda não gostar do sujeito é algo natural. Afinal, trata-se de uma pessoa autoritária, truculenta, típico filhote da ditadura que adora os holofotes da mídia golpista para falar mal de tudo que cheire a esquerda e fazer pré-julgamentos canhestros - algo que é no mínimo anti-ético levando-se em conta a posição que ocupa.

Agora, como é que um representante típico do pensamento elitista, preconceituoso e anti-democrático pode ser desprezado também por pessoas do campo da direita? A resposta está, é claro, no Partido da imprensa Golpista.

Da mesma forma que, como diz o Mino Carta, agarrariam fio elétrico desencapado se isso representasse a derrota das esquerdas, os barões do PiG foram todos em bando lamber as botas do Darth Vader do STF. Viram nele a melhor opção para tentar mais um golpe contra o governo Lula ou, caso não desse certo, representar a direita no próximo pleito eleitoral. Cogitava-se até que Mendes fosse o vice na chapa de Serra, da aliança PSDB-DEMo. Graças à atuação do PiG, via seus jornalistas-jagunços e vomitadores de opinião, Gilmar Mendes virou celebridade da noite para o dia.

Mas as coisas começaram a desandar quando o banqueiro Daniel Dantas foi em cana. Como todo o PiG tinha (e tem) rabo preso com o orelhudo, saíram rapidinho na defesa do sujeito, tentando transformar bandido em mocinho e mocinho em bandido, numa das operações midiáticas mais ridículas e grotescas que se tem notícia no Brasil.

Isso, por si só, já deixou todo mundo com a pulga atrás da orelha. Mas o que foi realmente o prego final no caixão das esperanças de Gilmar Mendes deu-se quando o PiG deu nó em pingo de água para tentar atrelar os crimes do Daniel Dantas ao PT. Assim, Folha, Veja, Estadão, Globo e esgotos afins, convenceram seus leitores boçais que Daniel Dantas era, antes de tudo, um operador dos esquemas de corrupção do PT, inclusive do dito "mensalão".

Bom, aí vem o Gilmar Vader e solta o banqueiro duas vezes, uma atrás da outra! Se esse fato isolado já não seria suficiente para deixar todo mundo puto da vida, para a turma da direita ele ainda é o cara que tirou da cadeia o banqueiro bandido que, segundo o PiG, alimentava a roubalheira do PT!

Pensem comigo: é ou não é hilariante? O PiG, mais uma vez, deu um tiro de espingarda calibre 12 não apenas no próprio pé, perdendo mais um pouco da pouca credibilidade que ainda lhe resta, mas também acertou em cheio na sua "nova esperança" contra as esquerdas, o Gilmar Mendes!

Olha, eu vou te dizer. As duas eleições do Lula fizeram a todos nós embarcar numa grande aventura, cheia de idas e vindas, altos e baixos e momentos de forte emoção. Mas essa aventura tem reservado também momentos de alta comicidade, oriundos principalmente do destrambelhamento do PiG e de seus jornalistas-jagunços e vomitadores de opinião.

O negócio é, portanto, relaxar e aproveitar o passeio, pois muitas emoções e divertimentos ainda estão pela frente...

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...