Postagem em destaque

SEJA UM PADRINHO DO TUDO EM CIMA!

Ajude este humilde blogueiro a continuar seu trabalho! Sempre militei e falei sobre cinema e outros assuntos sem ganhar absolutamente nada ...

quarta-feira, 8 de abril de 2009

Esperança: Ainda existem jornalistas éticos no PiG

A jornalista Julianna Granjeia, que trabalha no jornal Bom Dia de Jundiaí (o qual faz parte da rede Globo, portanto, afiliado ao Partido da imprensa Golpista), deixou um recado em minha postagem sobre o "Adote Um Vereador".

Ela é a prova viva que existem sim profissionais éticos e responsáveis trabalhando no PiG.

Infelizmente, o bom trabalho que realizam é prejudicado (quando não totalmente destruído) pela falta de honestidade com que os donos desses meios de comunicação os usam para a manutenção de seus interesses pessoais e daqueles que apóiam.

Eu assinei o Bom Dia por uns meses, a fim de ficar mais inteirado sobre o que acontece em minha cidade, porém não aguentei muito tempo ver aqueles "vomitadores de opiniões", as charges e até os colunistas sociais nojentos batendo o tempo todo no governo Lula enquanto tratam tucanos e demos com luvas de pelica e cancelei minha assinatura. E olha que, perto dos outros "jornais" que existem aqui, o Bom Dia pode ser considerado um panfleto tucano-light...

Confiram o que a Julianna escreveu (os grifos são meus):

"Julianna Granjeia disse...
Pois é, eu frequento mesmo seu blog. Eu ainda durmo com minha consciência tranquila, o que me tira o sono é testemunhar certas coisas... O que eu posso fazer é escrever. Pra quem não leu, aí vão duas notas da coluna Bastidores do dias 05/04.

Credibilidade
O membro do Forcis (Fórum Regional da Indústria, Comércio e Serviço), Maurício Rappa Santos, filho do presidente do PSDB, Sérgio Del Porto, questionou a campanha Adote um vereador, durante o debate promovido pela ONG Vote Consciente. Para ele, uma campanha sem dono e com blogs onde qualquer cidadão pode participar não tem credibilidade.

Cidadania
Durante o debate, o jornalista e um dos idealizadores da campanha, Milton Jung, explicou (o que já está explicado nos sites) que tanto ele como a ONG fazem o papel de provocadores e estimulam o exercício da cidadania. Os adotadores divulgam o trabalho de seus vereadores, cabe a cada um tirar suas conclusões. A campanha não é institucionalizada."

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...