Postagem em destaque

SEJA UM PADRINHO DO TUDO EM CIMA!

Ajude este humilde blogueiro a continuar seu trabalho! Sempre militei e falei sobre cinema e outros assuntos sem ganhar absolutamente nada ...

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

Danem-se trabalhadores e empresários: Tucanos querem ver o Brasil quebrar!

Ontem eu vi uma notícia que me deixou perplexo:

FHC pede a PSDB que boicote no Congresso medidas anticrise de Lula
Deputados saíram da casa de FHC com a recomendação de exercerem mais fortemente a oposição no Congresso em relação a medidas do governo Lula, incluindo aquelas voltadas para impedir o avanço da crise internacional", afirma a jornalista Carmen Munari, em reportagem da Reuters. (link para o texto completo).


Sinceramente, que tipo de pessoa é essa que exige que seus lacaios prejudiquem as ações do governo que têm como objetivo amortecer os efeitos da crise mundial no Brasil?

Porque, vejam, uma coisa é você fazer oposição política àquilo que não concorda ou que entende como ruim, prejudicial ao país e seus cidadãos. O PT fez isso toda sua vida e muitas vezes até exagerou - e pagou caro por isso. Porém, não é disso que estamos falando. Falamos de uma ação coordenada para impedir o governo de tentar ajudar os empresários e os trabalhadores para que não sofram os efeitos da crise.

Os tucanos, via seu Czar FHC, o pavão misterioso, apostam no "quanto pior, melhor". E só fazem isso porque acham que quantos piores foram os efeitos da crise no país, mais chances têm de voltar ao poder! Pura mesquinhez política de quem tem sede por poder e não sabe viver sem mamar nas tetas do Estado!

Depois, quando a gente xinga esses tucanos de canalhas insensíveis e desumanos tem gente que esperneia, se ofende. Ora, tenham paciência!

Olha, eu nunca votei num tucano em minha vida e vi meus candidatos petistas várias vezes sendo derrotados por essa gente do PSDB ou seus aliados direitistas. Tudo bem, faz parte do jogo democrático. A gente fica chateado porque sabe que os membros desses partidos de direita fatalmente vão aplicar políticas que beneficiam só sua patota e prejudicam a maioria da população do país. Mas, em todos esses anos que acompanho e debato política, eu nunca vi ninguém torcer para que o governo dos caras desse errado e que o Brasil, por tabela, fosse para o buraco!

Até porque, se o Brasil quebrar, todos nós que vivemos de salário quebramos também! É um questão de sobrevivência pura e simples, não se trata nem de algo ideológico ou filosófico. Eu não gostei de ver o FHC ser eleito duas vezes, porém torci muito para que todas aquelas besteiras e mentiras deslavadas que ele vendia como "soluções mágicas para os problemas do país" dessem certo. Torci mesmo, de verdade!

Porém, a realidade bateu na porta: FHC quebrou o país três vezes, foi obrigado a ir mendigar empréstimos no FMI e usava como desculpa para tanta incompetência (ou safadeza) a "conjuntura internacional ruim". Agora, que a conjuntura internacional é REALMENTE péssima, temos um governo que luta com unhas e dentes para garantir a segurança dos trabalhadores e dos empresários.

E o que fazem os representantes das elites predadoras que devoram o Brasil desde que Cabral invadiu essas terras? O que fazem os mesmos pilantras e salafrários que detonaram o país e jogaram o desemprego nas alturas quando eram governo? O que faz a imprensa e seus jagunços, o braço midiático dessa elite e seus políticos? Eles torcem contra o Brasil e ainda atuam para prejudicar as ações do governo!

Sabem por quê? Simples: porque nunca passaram necessidade em suas vidas. Já nasceram em bercinho de ouro, ficaram ricos usurpando dinheiro público ou vivem gravitando em volta dois dois primeiros. Mas, ao contrário de usar esse acesso a tantos privilégios para crescerem como seres humanos e lutar por igualdade e justiça social, vão para o lado oposto, ficando cada vez mais desumanos e canalhas.

Para essas pessoas sem coração e sem a menor sensibilidade cívica (incluindo aí os jornalistas e analistas econômicos que se vendem por trocados), "pobres são pobres porque querem, porque não se esforçaram na vida, porque são vagabundos".

Que importa para esses mauricinhos e patricinhas que a crise piore e o Brasil sucumba junto? Quem vai perder seus empregos é a rale, o "zé povinho" (como eles nos chamam entre as quatro paredes de seus country clubs), não é mesmo? Afinal, o deles está garantido, certo? Não têm com o que se preocuparem...

É por isso que eu não canso de falar: pense mil vezes antes de dar seu voto a esse tipo de gente sem escrúpulos, sem caráter e sem humanidade.

Porque é só com seu voto que você pode realmente puní-los, pois a única coisa que interessa a esses robôs movidos a dinheiro e ganância é estar no poder - mas não para excercê-lo em nome do bem de todos, mas sim em nome dos interesses próprios e dos coleguinhas que os apóiam e patrocinam...

Simplesmente revoltante!

6 comentários:

Andre I Souza disse...

Inteiramente de acordo, André. É assustador ver os mesmos fantasmas rodeando o salão em festa, não querem nada a não ser os seus interesses sempre sórdidos. Torçamos para que não consigam nunca mais ser onda, mas acabem como escumalha à beira da praia.

Fernando Romano disse...

Cabe ao povo julgar válida ou não essa estratégia do PSDB de querer prosperar na miséria (do país), usando um boicote (!!!) a medidas anticrise. Faz parte do jogo sujo da democracia, até aí entendo, mas o que não dá pra entender são pessoas comuns querendo que o Brasil quebre pro Lula cair ou então pro país entrar na crise importada. É a mesma coisa que cuspir pra cima e cair na testa.

Jonas disse...

Concordo totalmente com você, André. FHC, Serra e na verdade toda ou quase toda essa tchurma formada pelo PIG, tucanos, demos, e pela parte reacionária da elite são verdadeiros canalhas, bandidos mesmo, não há outro modo de classificá-los. Já fui funcionário do Banco do Brasil e fui testemunha do terrorismo que FHC e sua gangue fez com o funcionalismo do BB (em 1995 e 1996), inclusive com transferências compulsórias de vários funcionários para outras agências bem distantes das cidades onde muitos já estavam estabelecidos; levando muita gente a entrar no chamado PDV (Plano de Demissões Voluntárias), diante de uma pressão terrível feita pela diretoria do BB sob as ordens de FHC e sua quadrilha. Houve até casos de suicídios de funcionários do BB naquela época, devido ao terrorismo feito por esses canalhas desalmados. Felizmente, no meu caso, possuía outra fonte de renda, além do BB, e resolvi sair do banco, de tão indignado que fiquei com o autoritarismo, a arbitrariedade, a frieza, a cruel indiferença com os funcionários, o terrorismo que presenciei por parte de FHC e de seus cupinchas. Então, André, diante de tantas canalhices e barbaridades que presenciei ao longo do (des)governo FHC, um governo entreguista e lacaio dos interesses da reacionária elite local e do grande capital transnacional, principalmente o especulativo, não me surpreendo mais com nada que venha de FHC,
Serra, tucanos, demos, mídia corporativa de direita (o PIG), entre outros. Infelizmente, muitas dessas pessoas, de tão ambiciosas, gananciosas, sedentas de poder, corromperam-se a tal ponto que parecem ter perdido a sua humanidade - ou estão muito próximas disso. Que diferença gigantesca, não, do Presidente Lula e seu governo?!

Anônimo disse...

Muito bom, André.

E o textinho em baixo da foto do pilantra Boca-de-Sovaco-da-Sorbonne, c/ o nome de alguns dos bandidos, bem q poderia sair em letras garrafais.

Temos q nos organizarmos a tal ponto q, sda próxima vez q eles tentarem passar pelas urnas outra vez, sejam pulverizados.

Como o sr Arthur 5% Virgílio ... vade retro.

Inté,
Murilo

Anônimo disse...

http://www.youtube.com/watch?v=96AYU5nHWjc

Márcio disse...

André,

muito bom. Vc é ótimo analista político quando está indignado e revoltado. As construções lógicas brotam com naturalidade e objetividade.

Vou retransmitir este texto aos meus contatos junto com o link do blog.

Continue na luta!

Um abraço,

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...