Postagem em destaque

SEJA UM PADRINHO DO TUDO EM CIMA!

Ajude este humilde blogueiro a continuar seu trabalho! Sempre militei e falei sobre cinema e outros assuntos sem ganhar absolutamente nada ...

sexta-feira, 21 de novembro de 2008

Resposta ao amigo Hélio: Sobre oposições e aprendizados

Meu amigo policial civil e jornalista deixou um comentário interessante em meu texto sobre "Porque não critico o governo do PT". Confiram e leiam meus comentários abaixo.

-----------------------------------------------------

André,

Sei das dificuldades em enfrentar a oposição de outros condôminos. O meu é composto de apenas 7 apartamentos e enfrento (como sub-síndico) os mesmos problemas que vc um dia enfrentou.

Realmente o seu texto é, como disse outro internauta nestes comentários, uma aula sobre o que é política.

E já que estamos falando disso vc acha que eu estaria errado em relacionar o pessoal que fazia oposição gratuita e feroz à sua administração com a oposição intransigente que o PT fez por tantos anos?

Se não me engano o próprio Lula admitiu que as "críticas" sérias de outrora eram, na verdade, apenas "bravatas".

Abraço,

Do amigo,

PAVAN


-----------------------------------------------------

Grande Hélio, um prazer recebê-lo por aqui!

Realmente, você tem razão em dizer que o PT fez oposição intransigente e burra algumas vezes, à qual o próprio presidente Lula corretamente admitiu. Isso era algo que eu mesmo dizia a companheiros na época da faculdade, sem sucesso porém.

Mas, veja que bacana, é justamente isso que eu gosto do pessoal do PT: a capacidade de fazer uma auto-crítica e de evoluir, aprendendo com os próprios erros e burradas, ao invés de ficar negando as cagadas até a morte. Se não fosse assim, o PT jamais teria chegado à Presidência da República. Veja o texto do professor Emir Sader abaixo, onde ele fala justamente disso: a incapacidade que a extrema-esquerda tem de aprender com os erros e evoluir. Os caras não conseguem nem admitir que erram! Por isso não saem do lugar e perdem representatividade a cada dia...

Na vida o aprendizado é perene. Quem não aprende com os próprios erros e falhas não sai do lugar, fica andando em círculos. E quando erra de novo, coloca a culpa nos outros e ainda posa de pobre coitado, de indignado.

Sobre a "oposição" à minha administração, não acho que ela era igual ao que o PT fazia. Pelo contrário. Ela é igual ao que a direita, sua mídia corporativa e a extrema-esquerda raivosa faz hoje contra Lula, que tentam prejudicar o país e a população só para desgastar o governo - uns por recalque e outros por puro interesse de retomar o poder.

A oposição que o PT fazia antes era ideológica e na maioria das vezes correta, porém os erros que cometia eram políticos. O pessoal não sabia a hora de recuar, muito menos fazia alianças em nome do bem comum. Era um purismo bobo e sectário que foi sendo expurgado pelos inteligentes à medida que o PT deixou de ser pedra para virar vidraça. Tanto é que a turminha que insiste em ser "imaculada" foi saindo furiosa e fundou novos partidos ultra-sectários só para poderem continuar jogando pedrinhas, protegidos pelo manto da falta de comprometimento com a realidade.

No meu caso como síndico, eu era um petista no poder que não sabia ser político nem costurar alianças, e sonhava que ser honesto, transparente e trabalhar para a melhoria geral do condomínio bastava para ser aprovado por todos. Descobri que não é bem assim da pior forma. O resto é história...

Abraços!

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...